domingo, 26 de maio de 2024

Deputado quer criar cadastro de estupradores no Espírito Santo

 

O projeto apresentado pelo Deputado Marcelo Santos propõe a criação do Cadastro de Condenados por violência doméstica, complementando a Lei 11.012/19, que criou o Cadastro Estadual de Pedófilos._

 

Mais um avanço para a segurança do Espírito Santo foi protocolado na tarde desta quinta-feira, 09, na Assembleia Legislativa do Estado. O projeto de lei 267/2024, de autoria do presidente da Casa, deputado estadual Marcelo Santos, propõe a criação do cadastro de condenados por estupro e de crimes praticados com violência doméstica e familiar contra a mulher.

 

Os cadastros devem conter informações precisas e relevantes, como dados pessoais e fotos dos condenados, respeitando sempre a presunção de inocência até que haja uma condenação definitiva. Além disso, a identidade das vítimas deve ser preservada, evitando qualquer exposição que possa colocá-las em risco ou causar-lhes mais danos.

 

“Estamos dando mais um passo significativo na prevenção e combate de crimes tão sérios. O nosso Estado não pode continuar com números tão alarmantes de feminicídio e violência, precisamos de medidas que realmente contribuam com essa prevenção”, destacou o deputado Marcelo Santos.

 

Marcelo também é autor da lei 11.012/2019 que criou o Cadastro Estadual de Pedófilos, colocando o Espírito Santo na vanguarda nacional na proteção de crianças e adolescentes. O Estado é um dos primeiros do país a contar com esse sistema, junto com Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo e Rio Grande do Sul.

 

O projeto de lei 267/2024 acompanha uma decisão aprovada recentemente pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que validou por unanimidade a criação do Cadastro Estadual de Pedófilos e a divulgação na internet de uma lista de pessoas condenadas por crime de violência contra a mulher. A iniciativa do STF, que foi embasada na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 6620, reconhece que os estados têm competência para criar cadastros públicos de pessoas condenadas por crimes sexuais e de violência doméstica, desde que por meio de lei. Tal medida busca garantir maior controle e monitoramento sobre indivíduos que representam ameaça à sociedade, especialmente às mulheres.

 

Dados do Fórum Nacional de Segurança Pública, divulgados em novembro de 2023, revelam que a cada 8 minutos, uma menina ou mulher foi vítima de estupro no primeiro semestre do ano anterior. No período de janeiro a junho, foram registrados 34 mil casos de estupro e estupro de vulneráveis, representando um aumento de 14,9% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

 

Especificamente no Espírito Santo, a situação não é menos preocupante. Somos o quinto estado do país com a maior proporção de mulheres vítimas de violência psicológica, física ou sexual pelo parceiro íntimo. Segundo a pesquisa ‘Estatísticas de Gênero – Indicadores Sociais das Mulheres no Brasil’, divulgada pelo IBGE, 7,2% das mulheres capixabas com 18 anos ou mais foram vítimas desse tipo de violência.

 

“Nossa responsabilidade com a segurança dos capixabas é inegociável. Este cadastro não é apenas uma medida de prevenção. mas um ato de justiça para as vítimas e suas famílias. É também mais um sinal de que estamos do lado daqueles que mais precisam de proteção e amparo em nossa sociedade”, ressalta o presidente da Casa de Leis.

 

O projeto de lei 267/2024 seguirá para análise e votação dos demais deputados.

 

Foto: Divulgação Ales.

Matéria relacionada

Assembleia Legislativa celebra parceria com o Cooperativismo Capixaba

Assembleia Legislativa celebra parceria com o Cooperativismo Capixaba

  _O acordo de cooperação assinado fortalece o compromisso do Poder Legislativo em apoiar as cooperativas capixabas, que cumprem um papel importante para a economia e geração de oportunidades no

Casagrande veta PL do Deputado Lucas Polese, que prevê punir ocupações de propriedade privada

Casagrande veta PL do Deputado Lucas Polese, que prevê punir ocupações de propriedade privada

  O projeto, de autoria do deputado Lucas Polese (PL) havia sido aprovado por 22 votos, enquanto 3 parlamentares votaram contra — João Coser (PT), Iriny Lopes (PT) e Camila

Partido Liberal lança Leo Camargo e Luciano Quintino no sul do Estado

Partido Liberal lança Leo Camargo e Luciano Quintino no sul do Estado

    Quinta-feira (16) será o lançamento da pré-candidatura de Léo Camargo em Cachoeiro. Na sexta-feira (17) será a vez de Luciano Quintino, em Vargem Alta. A semana promete ser

Espírito Santo inicia serviço de Oncologia em Oftalmologia aos pacientes do SUS

Espírito Santo inicia serviço de Oncologia em Oftalmologia aos pacientes do SUS

    Em uma parceria entre o Governo do Espírito Santo e o Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), o Sistema Único de Saúde (SUS) capixaba ganha um novo serviço

Edinho É demais é o pré candidato do MDB a Prefeito de Anchieta

Edinho É demais é o pré candidato do MDB a Prefeito de Anchieta

    O MDB lançou nesta semana durante a sessão ordinária da Câmara Municipal anchietense, o nome do vereador Edinho Édemais como pré candidato a perfeito da cidade. O objetivo

Assembleia aprova texto que dobra datas de promoção para policiais e bombeiros militares

Assembleia aprova texto que dobra datas de promoção para policiais e bombeiros militares

  Marcelo santos enviou autógrafo de lei logo após votação. Emenda do presidente possibilitou inserir mais oficiais na lista._   Aprovado por unanimidade nesta terça-feira, 14, o Projeto de Lei

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mehr Informationen zum Bonuspaket und Umsatzbedingungen finden Sie auf der offiziellen Seite. und fairness Den vollen Funktionsumfang kklk Vulkan Internet casinos genießen nur unsere registrierten Spieler. nur über Das liegt daran, wenn jene zu 100% auf die Kuchen Bedingungen angerechnet werden. man kann Das Casino wird von Brivio Limited betrieben, einem in jeder Republik Zypern registrierten Unternehmen. vulkan vegas ist ein
Rolar para cima