sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Banco Central libera pagamentos com cartão de crédito, débito e pré-pago no WhatsApp

 

O Banco Central (BC) decidiu retirar as medidas que impediam a realização de transações de compra com cartões de crédito, débito e pré-pago por meio do WhatsApp no Brasil, informou a autarquia nesta quinta-feira.

Com a mudança, será possível usar o WhatsApp Pay para fazer pagamentos para empresas dentro do aplicativo. Até então, era possível apenas a utilização do WhatsApp para transferências de recursos entre indivíduos.

O BC ainda determinou que o início das transações de pagamento por meio do aplicativo WhatsApp “deve ser comunicado pelos instituidores a todos os participantes de seus arranjos de pagamento com antecedência mínima de 30 dias”, segundo comunicado do órgão. Ou seja, a ferramenta não estará disponível imediatamente para os usuários.

A liberação do serviço veio por meio da “cessação completa” de medidas coercitivas aplicadas à Mastercard e à Visa, que suspendiam essa modalidade no país. No final do ano passado, a autarquia já havia concedido um aval preliminar para as duas empresas, embora não permitisse ainda o funcionamento da ferramenta.

A liberação pelo BC foi comemorada pelo Mark Zuckerberg, presidente-executivo da Meta, controladora do WhatsApp.

“Atualização do WhatsApp do Brasil: o Banco Central acaba de autorizar o lançamento de nosso novo recurso de pagamento para que as pessoas possam pagar pequenas empresas diretamente no WhatsApp. Ansioso para lançar isso em breve”, afirmou, em seu canal no Instagram, rede social também controlada pela Meta.

O chefe do WhatsApp para América Latina, Guilherme Horn, disse que o pagamento de produtos e serviços em uma conversa usando cartões Mastercard e Visa será liberado “em breve”.

“Acreditamos que o pagamento de pessoas para empresas via WhatsApp terá um grande impacto para todos, trazendo facilidade e simplicidade para os usuários ao mesmo tempo em que ajudará as pequenas e médias empresas a aumentarem suas vendas”, afirmou.

A Meta, então ainda chamada de Facebook, lançou o serviço de transferência de recursos entre indivíduos via WhatsApp no Brasil em meados de 2020, mas a ferramenta foi rapidamente suspensa pelo BC. A autarquia só liberou o funcionamento em março de 2021, com o serviço reiniciando em maio daquele ano.

Como vai funcionar?

Para que os usuários possam enviar e receber dinheiro pelo WhatsApp, será preciso cadastrar um cartão na função Facebook Pay. Veja como vai funcionar:

Haverá uma função, no mesmo menu do envio de imagens, chamada “Pagamento”.

Quando o usuário clicar nela, o aplicativo vai pedir um valor e redirecionar para a criação de uma conta.

Será preciso aceitar os termos de uso da plataforma e criar uma senha numérica de 6 dígitos.

Depois, o usuário vai precisar incluir nome, CPF e um cartão emitido por um dos bancos parceiros.

Será preciso verificar o cartão junto ao banco, que vai enviar um código ao usuário por SMS, e-mail ou aplicativo do próprio banco. Esse código serve para impedir o cadastro de cartões roubados, por exemplo.

De acordo com o WhatsApp, o uso da senha (ou reconhecimento biométrico do celular) vai ser necessário toda vez que o usuário for enviar dinheiro. As informações de cartão são encriptadas.

Matéria relacionada

Cariacica + Perto de Você: diversos serviços de cidadania neste sábado (24)

Cariacica + Perto de Você: diversos serviços de cidadania neste sábado (24)

    A população de Porto Novo vai poder conferir diversos serviços de cidadania na 16ª edição do Cariacica + Perto de Você, que acontece neste sábado (24), no antigo

PL de Cachoeiro vai anunciar nome de pré candidato a Prefeitura na próxima 5° feira

PL de Cachoeiro vai anunciar nome de pré candidato a Prefeitura na próxima 5° feira

  Após os dias acelerados na cidade de Cachoeiro, onde o vereador Júnior Corrêa (PL) decidiu retirar seu nome da disputa, o PL agiu rápido e vem arquitetando seu palanque

Assembleia Legislativa do Espírito Santo celebra 150 da imigração italiana com exposição interativa

Assembleia Legislativa do Espírito Santo celebra 150 da imigração italiana com exposição interativa

  A Assembleia Legislativa do Espírito Santo inaugura no dia 21 de fevereiro a exposição "Camata - A Voz da Imigração Italiana", uma experiência única que homenageará o saudoso líder

As mãos de Ferraço no episódio Juninho Correa, será?

As mãos de Ferraço no episódio Juninho Correa, será?

  Fontes revelaram que o ex-prefeito e atual deputado estadual Theodorico Ferraço foi na desejada macieira do Partido Liberal cachoeirense (PL), pegou a bela maçã, poliu e a jogou no

Primeiro dia do Carnaval no Centro de Vitória reúne 100 mil pessoas

Primeiro dia do Carnaval no Centro de Vitória reúne 100 mil pessoas

  O início do Circuito da Folia na capital capixaba foi marcado pela presença de aproximadamente 100 mil foliões, celebrando o início do Carnaval. Uma iniciativa inédita da Prefeitura Municipal

Assembleia retoma sessões ordinárias com 32 projetos na ordem do dia

Assembleia retoma sessões ordinárias com 32 projetos na ordem do dia

  A primeira sessão ordinária de 2024 da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (ALES) ocorre nesta terça-feira, 6 de fevereiro, às 15 horas. O presidente da casa de leis capixaba,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima