domingo, 26 de maio de 2024

ES confirma circulação da Febre do Oropouche, causada por vírus transmitido por mosquito

 

A Secretaria de Saúde do Espírito Santo (Sesa) informou a circulação da Febre do Oropouche no Espírito Santo. Ao todo, oito casos foram confirmados pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Espírito Santo (Lacen-ES) após avaliação de 1.872 amostras realizada desde o dia 1º de abril deste ano. A confirmação foi feita nesta terça-feira (23).
A Febre do Oropouche é uma doença causada por um arbovírus (vírus transmitido por mosquitos). Segundo a Sesa, o vetor da febre do Oropouche é um inseto bem pequeno, de um a três milímetros, popularmente conhecido como “maruim” ou “mosquito pólvora”.
A secretaria explicou que os exames foram realizados por meio de RT-PCR, e dos oito casos, cinco são de amostras encaminhadas por Colatina, um de Vitória, um de Sooretama e um de Rio Bananal. Apesar da quantidade de pessoas com a doença, a positividade para a Febre Oropouche ainda é considerada baixa (0,42%).
“É uma doença que não apresenta letalidade, até o momento, e tem sintomas muito parecidos com os da dengue – febre, dor no corpo e dores nas articulações. É essencial o diagnóstico laboratorial para um acompanhamento efetivo dos casos, bem como as ações de vigilância epidemiológica municipais para monitoramento da situação”, destacou a pasta.
O que é a Febre do Oropouche
O inseto que dissemina a doença tem coloração com variação de cinza a castanho escuro e possui asas curtas e largas. O inseto tem maior incidência em regiões com maior umidade e presença de matéria orgânica. Não há vacina e tratamento específico disponíveis.
Sintomas iguais ao da dengue
As manifestações clínicas da infecção são parecidas com o quadro clínico de outras arboviroses, como dengue, chikungunya e febre amarela. Os casos agudos evoluem com febre de início súbito, cefaleia (dor de cabeça), mialgia (dor muscular) e artralgia (dor articular).
Outros sintomas como tontura, dor retro-ocular, calafrios, fotofobia, náuseas e vômitos também são relatados. Os sintomas duram de 2 a 7 dias, com evolução benigna e sem sequelas, mesmo nos casos mais graves. Não há relatos de óbitos associados à infecção pela doença.
As picadas do vetor costumam causar bastante incômodo e reações alérgicas. Não existe tratamento específico para a doença. Os pacientes devem permanecer em repouso, com tratamento sintomático e acompanhamento médico.
Como prevenir
O habitat em que o vetor se desenvolve varia de espécie para espécie e três elementos são necessários: umidade, sombra e matéria orgânica, segundo a secretaria. Dessa forma, as medidas para a prevenção da febre de Oropouche envolvem o manejo mecânico do ambiente e medidas de proteção individual, assim como a dengue.
Algumas das ações que a população deve ter para evitar a doença são: manter árvores e arbustos podados, de forma a aumentar a insolação no solo e retirar o excesso de matéria orgânica (folhas, frutos etc.). Além disso, é necessário manter terrenos baldios livre de matos, dependendo da situação, e o plantio de grama pode ajudar a manter a população de maruins sob controle; e manter os abrigos de animais (aves, suínos, bovinos e outros) sempre limpos.
Com relação às medidas de proteção individual, o uso de repelentes e roupas compridas pode ajudar a diminuir as picadas. Já o uso de telas em portas e janelas, como barreiras físicas, recomendados em alguns casos, não surtem muito efeito devido à necessidade dessas telas terem uma gramatura muito pequena, e esse fato acaba por reduzir a circulação de ar dentro dos imóveis.
Até o momento não há evidência de transmissão direta de pessoa a pessoa. Após a infecção, o vírus permanece no sangue dos indivíduos infectados por 2-5 dias após o início dos primeiros sintomas. O período de incubação intrínseca do vírus (em humanos) pode variar entre 3 e 8 dias após a infecção pela picada do vetor.

Matéria relacionada

Vereador da Serra é baleado durante assalto em Vila Nova de Colares

Vereador da Serra é baleado durante assalto em Vila Nova de Colares

  O vereador da Serra Marlon Fred foi baleado na manhã desta quinta-feira (23), durante um assalto que aconteceu na porta de um comércio, no bairro Vila Nova de Colares,

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre deste ano

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre deste ano

  Nos quatro primeiros meses de 2024, as divisas geradas com as exportações do agronegócio no Espírito Santo somaram mais de US$ 928,9 milhões (ou R$ 4,8 bi), maior valor

Alerta para queda de até 5°C na temperatura no ES neste fim de semana

Alerta para queda de até 5°C na temperatura no ES neste fim de semana

    O Espírito Santo recebeu um alerta de perigo potencial do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para quedas de temperaturas durante o fim de semana. De acordo com o

Contratos sob suspeita em hospital no ES eram de luvas, aventais e máscaras

Contratos sob suspeita em hospital no ES eram de luvas, aventais e máscaras

  A investigação da Polícia Federal e da Corregedoria Geral da União (CGU) sobre contratos fraudulentos no Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória, em Vitória, apontam que os acordos eram

489 anos de Vila Velha: cidade de cultura, história e turismo e onde começou o ES

489 anos de Vila Velha: cidade de cultura, história e turismo e onde começou o ES

  Nesta quinta-feira (23) é comemorado o aniversário de 488 anos de Vila Velha. A data marca o desembarque do português Vasco Fernandes Coutinho na Prainha, em 1535, a bordo

Projeto Orquestra de Violões nas Escolas oferece oportunidade para alunos da rede estadual

Projeto Orquestra de Violões nas Escolas oferece oportunidade para alunos da rede estadual

  A Secretaria da Educação do Estado (Sedu), em parceria com a Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mehr Informationen zum Bonuspaket und Umsatzbedingungen finden Sie auf der offiziellen Seite. und fairness Den vollen Funktionsumfang kklk Vulkan Internet casinos genießen nur unsere registrierten Spieler. nur über Das liegt daran, wenn jene zu 100% auf die Kuchen Bedingungen angerechnet werden. man kann Das Casino wird von Brivio Limited betrieben, einem in jeder Republik Zypern registrierten Unternehmen. vulkan vegas ist ein
Rolar para cima