domingo, 26 de maio de 2024

O “tic-tac” na segurança em Vitória

 

 

Na última sexta-feira, 3 de maio, um prédio comercial na Reta da Penha, em Vitória, foi evacuado após uma denúncia de bomba, gerando apreensão e preocupação na localidade. Embora o alerta tenha se revelado falso, esse episódio serve como uma metáfora da crescente inquietação em relação à segurança pública em nossa capital. Este incidente evidencia como estamos à beira de uma crise iminente, assemelhando-se a uma bomba-relógio prestes a explodir.

Diante disso, não posso deixar de expor que a estabilidade e prosperidade de um município não se limitam apenas a fatores como emprego, educação e infraestrutura; a preservação da vida e dos bens, tanto nos lares e comércios quanto nas ruas, é igualmente importante. No entanto, o atual panorama de insegurança que aflige os habitantes de Vitória escancara a falta de bem-estar social.

É inegável que a segurança pública afeta diretamente outros aspectos da vida em sociedade. No entanto, sem um ambiente seguro, o desenvolvimento econômico, o turismo e a qualidade de vida dos cidadãos sofrem consequências severas. Afinal, os altos índices de criminalidade comprometem a confiança dos empresários, impactando negativamente o comércio e outros investimentos na região. Além disso, a sensação de insegurança afeta a rotina diária dos moradores, limitando sua liberdade de movimento e gerando um clima de apreensão constante.

Assim, conforme a explanação anterior, podemos atestar que a situação atual em Vitória é alarmante, com registros frequentes de assaltos a estabelecimentos comerciais, invasões a prédios e outros crimes. A Praia do Canto, por exemplo, tem sido especialmente afetada, com relatos de assaltos, arrombamentos e roubos a moradores. Essa realidade não se limita a um único bairro, mas se estende por toda a cidade, como evidenciado também pela estatística de assaltos em ônibus que circulam a capital, que só no primeiro semestre do ano passado fez 391 vítimas.

Em contrapartida, a solução para essa crise exige não apenas boa vontade, mas um planejamento e ações concretas. Aliás, um dos pontos críticos é a insuficiência do contingente policial, que não acompanha o crescimento populacional e as necessidades táticas da cidade em si. Considerando as características específicas de Vitória, seria recomendável um aumento significativo no número de policiais e guardas municipais, bem como a implementação de medidas preventivas e tecnológicas.

Quanto ao número ideal de policiais, não existe uma equação fixa, pois varia dependendo de diferentes elementos, como a taxa de criminalidade, a localização geográfica da região, a densidade populacional, entre outros. No entanto, como parâmetro, pode-se considerar uma média de 1 a 2 policiais para cada grupo de 1.000 habitantes. Assim, para uma cidade com quase 400 mil moradores, o número total de efetivo policial poderia variar entre 400 a 800 policiais, entre militares e guardas municipais.

Concluindo, entre as medidas necessárias para enfrentar esse desafio, destacam-se o reforço da presença policial nas áreas mais afetadas, a expansão de sistemas de monitoramento por vídeo (incluindo reconhecimento facial), o aprimoramento da iluminação pública e o estímulo à integração comunitária. Além disso, o investimento em tecnologia para análise de dados criminais pode contribuir significativamente para o combate à criminalidade e a promoção de uma capital mais segura para todos os seus habitantes.

Armandinho Fontoura é Gestor Público, Empresário e Vereador de Vitória*

 

As opiniões expressas neste texto são de exclusiva responsabilidade do autor convidado e não refletem, necessariamente, a visão ou posição editorial do Jornal Folha da Vila. Cada autor convidado é responsável por suas declarações, argumentos e conteúdos, reafirmando nosso compromisso com a pluralidade de ideias e o debate saudável e respeitoso.

 

Matéria relacionada

Assembleia Legislativa celebra parceria com o Cooperativismo Capixaba

Assembleia Legislativa celebra parceria com o Cooperativismo Capixaba

  _O acordo de cooperação assinado fortalece o compromisso do Poder Legislativo em apoiar as cooperativas capixabas, que cumprem um papel importante para a economia e geração de oportunidades no

Casagrande veta PL do Deputado Lucas Polese, que prevê punir ocupações de propriedade privada

Casagrande veta PL do Deputado Lucas Polese, que prevê punir ocupações de propriedade privada

  O projeto, de autoria do deputado Lucas Polese (PL) havia sido aprovado por 22 votos, enquanto 3 parlamentares votaram contra — João Coser (PT), Iriny Lopes (PT) e Camila

Partido Liberal lança Leo Camargo e Luciano Quintino no sul do Estado

Partido Liberal lança Leo Camargo e Luciano Quintino no sul do Estado

    Quinta-feira (16) será o lançamento da pré-candidatura de Léo Camargo em Cachoeiro. Na sexta-feira (17) será a vez de Luciano Quintino, em Vargem Alta. A semana promete ser

Espírito Santo inicia serviço de Oncologia em Oftalmologia aos pacientes do SUS

Espírito Santo inicia serviço de Oncologia em Oftalmologia aos pacientes do SUS

    Em uma parceria entre o Governo do Espírito Santo e o Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), o Sistema Único de Saúde (SUS) capixaba ganha um novo serviço

Edinho É demais é o pré candidato do MDB a Prefeito de Anchieta

Edinho É demais é o pré candidato do MDB a Prefeito de Anchieta

    O MDB lançou nesta semana durante a sessão ordinária da Câmara Municipal anchietense, o nome do vereador Edinho Édemais como pré candidato a perfeito da cidade. O objetivo

Assembleia aprova texto que dobra datas de promoção para policiais e bombeiros militares

Assembleia aprova texto que dobra datas de promoção para policiais e bombeiros militares

  Marcelo santos enviou autógrafo de lei logo após votação. Emenda do presidente possibilitou inserir mais oficiais na lista._   Aprovado por unanimidade nesta terça-feira, 14, o Projeto de Lei

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mehr Informationen zum Bonuspaket und Umsatzbedingungen finden Sie auf der offiziellen Seite. und fairness Den vollen Funktionsumfang kklk Vulkan Internet casinos genießen nur unsere registrierten Spieler. nur über Das liegt daran, wenn jene zu 100% auf die Kuchen Bedingungen angerechnet werden. man kann Das Casino wird von Brivio Limited betrieben, einem in jeder Republik Zypern registrierten Unternehmen. vulkan vegas ist ein
Rolar para cima