sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Produção de petróleo em mar no ES deve crescer 84% até 2027.

 

A produção de petróleo offshore (em mar) no Espírito Santo deve crescer 84% até 2027, na comparação com 2022, de acordo com a 6ª edição do Anuário da Indústria do Petróleo e Gás Natural no ES. Já para o gás natural, projeta-se um aumento médio anual de quase 97% nesse mesmo período.

O documento, lançado na segunda-feira (24) no Palácio Anchieta, em Vitória, reúne os mais importantes dados e análises do setor, além de apresentar uma projeção da produção de óleo e gás nos próximos cinco anos. O Anuário é produzido pelo Observatório da Indústria da Findes, com o apoio do Sebrae e do Fórum Capixaba de Petróleo, Gás e Energia (FCPGE), da Organização Nacional da Indústria de Petróleo (Onip) e do Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP).

A presidente da Findes, Cris Samorini, destaca que os projetos previstos vão contribuir para o incremento da extração e cita que o Anuário traz as perspectivas de investimentos de R$ 8,8 bilhões até 2027, envolvendo empresas como Petrobras, Shell, Seacrest Petróleo, Imetame, EnP, Prio, Repsol, Equinor, e outras.

“A produção de petróleo e gás natural vem recuando ao longo dos últimos anos devido, principalmente, ao amadurecimento dos campos. Com novas empresas e investimentos em mar, e também em terra, voltaremos a ver a produção capixaba crescendo novamente, e, sabendo disso, poderemos aproveitar as oportunidades que surgirão”, aponta Cris.

A economista-chefe da Findes e gerente executiva do Observatório da Indústria, Marília Silva, explica que, a partir de 2025, espera-se uma tendência de reversão da queda da exploração de tanto de petróleo quanto de gás natural.

“O Anuário aponta que a extração de óleo em mar deve passar dos atuais 47,7 milhões de barris ao ano, em 2022, para 87,8 milhões de barris ano em 2027. No caso do gás, entre 2022 e 2027, a produção deve sair de 1,2 bilhão de m³, em 2022, para 2,4 bilhões de m³ em 2027”, comenta.

Marília avalia ainda que, para 2023, espera-se uma pequena recuperação na produção offshore devido à superação de problemas operacionais que afetaram o desempenho da produção do ano anterior, tais como o vazamento no casco da FPSO Cidade de Anchieta e o descomissionamento do FPSO Capixaba.

“Já para 2024 projetamos uma queda na produção offshore devido à continuidade do declínio natural da produção. Uma mudança significativa é esperada na passagem de 2024 e 2025, quando a Petrobras deve começar a operar uma nova plataforma no Parque das Baleias (FPSO Maria Quitéria) e a PetroRio (Prio) planeja dar início à extração no campo de Wahoo”.

A gerente de Ambiente de Negócios do Observatório da Indústria da Findes, Gabriela Vichi, explica que o projeto da Petrobras possui como objetivo aumentar o fator de recuperação de óleo e gás através da otimização da atual malha de drenagem, com a interligação de uma nova FPSO.

“A expectativa é que a nova plataforma esteja operando no último trimestre de 2024. Já a Prio pretende perfurar 4 poços produtores e 2 injetores, com primeiro óleo previsto para o primeiro semestre de 2024. Esses projetos serão responsáveis pela curva de reversão das quedas projetadas para a produção de petróleo e gás natural no Espírito Santo”, aponta.

Matéria relacionada

Serra terá mutirão com atendimento gratuito de advogados neste sábado.

Serra terá mutirão com atendimento gratuito de advogados neste sábado.

  O Serra + Cidadã, que acontece neste sábado (24) em Balneário de Carapebus, vai oferecer assistência jurídica gratuita para processos relativos ao Direito de Família, oferecidos pelo Departamento de

ES recebe 58.530 doses de vacina contra dengue na primeira remessa nesta quinta-feira.

ES recebe 58.530 doses de vacina contra dengue na primeira remessa nesta quinta-feira.

  O Espírito Santo vai receber nesta quinta-feira (22) a primeira remessa de doses das vacinas contra a dengue para o início da imunização das crianças de 10 e 11

Jogo entre Real Noroeste e Cuiabá pela Copa do Brasil é adiado por conta de fortes chuvas no ES.

Jogo entre Real Noroeste e Cuiabá pela Copa do Brasil é adiado por conta de fortes chuvas no ES.

  A partida entre Real Noroeste e Cuiabá, pela primeira fase da Copa do Brasil, prevista para a noite desta quarta-feira (21) foi adiada devido as condições do gramado do

Prefeitura abre processo seletivo para contratação de médicos residentes em Cariacica.

Prefeitura abre processo seletivo para contratação de médicos residentes em Cariacica.

  A Prefeitura de Cariacica abriu processo seletivo com quatro vagas para contratação de médicos residentes com salários que podem chegar a R$ 8.606. As inscrições podem ser feitas até

TSE cassa mandato de dois vereadores de Vila Velha.

TSE cassa mandato de dois vereadores de Vila Velha.

  O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, por unanimidade, pela cassação das chapas dos partidos PSDC, atual Democracia Cristã (DC), e do PTB, com a perda de mandatos

Praia de Itaparica recebe o Circuito Feminino de Beach Tennis Quatro Estações.

Praia de Itaparica recebe o Circuito Feminino de Beach Tennis Quatro Estações.

  As areias da Praia de Itaparica vão receber a 1ª etapa do Circuito Feminino de Beach Tennis Quatro Estações. O evento, que acontece neste sábado (24) e domingo (25),

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima