sexta-feira, 24 de maio de 2024

Carnaval: veja 14 dicas para proteger celular e cartões e saiba o que fazer em caso de roubo ou furto na folia.

 

Não é só a ressaca da festa que pode gerar dor de cabeça no carnaval. Com multidões de pessoas nas ruas, o ambiente é considerado propício, pelos criminosos, para roubar e aplicar golpes. Sem tomarem medidas de prevenção, os foliões podem cair nas armadilhas.

“Durante esse período, as pessoas podem estar mais distraídas devido à diversão, o que facilita a ação dos criminosos”, explica Josias Sales, superintendente de Segurança Cibernética do Sicoob.

Uma das ações criminosas mais comuns nos blocos de carnaval é o roubo de celulares. Mas o prejuízo não para por aí, aponta Anderson Leite, analista de segurança da Kaspersky: “Não está em risco apenas o aparelho, mas tudo o que ele contém: aplicativos bancários, senhas, fotos, contatos e outras informações sensíveis. O criminoso ganha controle de muito mais do que apenas o seu smartphone”, diz.

Por isso, sempre que possível, é indicado deixar o celular em casa nos dias de festa. Mas, se essa não for uma opção, há cuidados comportamentais e tecnológicas que podem mitigar a chance de ser uma vítima.

“É importante usar as funções de segurança disponíveis nos aparelhos, como autenticação em dois fatores e biometria facial ou digital para ativar o bloqueio do celular”, pontua Fabiana Saenz, diretora de Inteligência Antifraude do Mercado Pago.

Foi furtado? Saiba que medidas tomar

Se o celular foi roubado, o primeiro passo é bloquear o aparelho para impedir que o criminoso consiga acessar os aplicativos. Se o smartphone foi furado ou roubado enquanto estava desbloqueado, é importante agir o mais rapidamente possível. O bloqueio pode ser feito com o número do IMEI junto à operadora, o que torna o aparelho inutilizável.

Também é essencial procurar a polícia para registrar a ocorrência. Isso pode ser feito em qualquer delegacia de polícia ou de forma on-line (https://delegaciaonline.sesp.es.gov.br/deon/xhtml/home.jsf). O número do IMEI do celular deve ser informado aos investigadores.

Outro passo fundamental é entrar em contato com os bancos e as operadoras de seus cartões (caso eles tenham sido levados) para informar o ocorrido e pedir o bloqueio das contas, impedindo a realização de quaisquer transações bancárias pelos criminosos. Alterar senhas de acesso de redes sociais e outros aplicativos, como os de transporte e alimentação também é importante.

 

Veja 14 cuidados para se proteger na folia

1 – Faça backup dos dados do celular

No Android, abra o app “Configurações”, toque em “Google” e depois selecione “Backup” e “Fazer backup agora”. No iPhone, conectado a uma rede Wi-fi, acesse “Ajustes”, clique no seu nome e, em seguida, em “iCloud”. Em “Backup do iCloud”, selecione “Fazer backup agora”. É importante manter o dispositivo conectado ao wi-fi até o término do processo. Isso evitará que você perca contatos importantes, fotos e outros arquivos.

2 – Senhas diferentes

Tenha códigos de acesso diferentes para cada rede social e ative autenticação de dois fatores nelas. Assim, mesmo se o criminoso localizar a sua senha, ele terá que passar por mais uma camada de proteção. Evite o recebimento do segundo código por SMS, para não entregá-lo de bandeja em caso de roubo do aparelho.

3 – Sem guardar senhas

Apague registros das senhas do bloco de notas, de conversas no WhatsApp ou e-mails. Usar gerenciadores de senha é mais aconselhável, pois eles guardam os códigos criptografados para segurança do cliente

4 – E-mail de recuperação

Não deixe o e-mail utilizado para recuperação de senhas salvo no celular.

5 – Tenha em mãos o IMEI do aparelho

Esse código ajuda na hora de bloquear o celular, o que garante que ele não volte a ser usado como telefone, e será fundamental caso exista alguma chance de rastreio. No Android, vá ao menu de “Configurações”, abra a opção “Sobre o telefone” e confira o código numérico do IMEI. No iOS, vá em “Ajustes”, abra a opção “Geral” e depois “Sobre”, para descobrir.

6 – Apague apps

Apague temporariamente os aplicativos de banco e outros que gerem gastos, como os de alimentação e de transporte, para diminuir os danos financeiros em caso de roubo do aparelho.

7 – Reduza limites

Reduza os limites de Pix, cartão de crédito, cheque especial e outras transferências antes de ir para a rua. A medida é essencial para minimizar prejuízos em caso de acesso indevido de criminosos aos apps bancários em caso de o celular ser furtado desbloqueado, por exemplo.

8 – Mais segurança

Quando for possível, utilize duplo fator de autenticação, biometria facial e digital para controlar o acesso ao aparelho e aos aplicativos importantes, como os de internet banking. Isso insere mais uma camada de proteção.

9 – Sem aproximação

Desative o pagamento por aproximação do celular e dos cartões de crédito e débito. A medida é importante para evitar prejuízos em caso de roubo ou furto no meio da aglomeração. Outra opção é reduzir o valor limite para operações feitas por aproximação.

10 – Aviso dos bancos

Autorize os pushs do app do seu banco para que, a cada compra, seja possível conferir o valor debitado.

11 – Notificações

Configure o aparelho para não exibir notificações de e-mails, WhatsApp e Telegram quando a tela estiver bloqueada, porque dados pessoais e sensíveis podem aparecer a fraudadores. No iPhone, a escolha deve ser feita clicando em “Ajustes”, “Notificações”, e “Pré-visualizações”. No Android, o procedimento costuma estar disponível em “Configurações”, “Tela de bloqueio e segurança” e “Notificações”.

12 – Modo avião

Desabilite o modo avião com a tela bloqueada para evitar que um ladrão impeça o rastreamento do celular. No Android, é possível editar a barra superior de configurações rápidas, clicando sobre o ícone do lápis, no canto inferior esquerdo da tela. Depois, basta escolher o ícone do avião e movê-lo para a parte inferior da tela. No iOS, acesse os ajustes e as opções sobre a “Central de Controle”, escolhendo subtrair o ícone do avião em seguida.

13 – Cuidado com as maquininhas

Nunca entregue seu cartão para alguém inserir na maquininha e realizar o pagamento ao comprar algo na rua. Sempre faça este processo você mesmo. E não aceite pagamentos com maquininha de cartão se o visor estiver danificado.

14 – Comprovantes

Peça o recibo impresso da transação ou verifique se o valor está correto nas mensagens SMS que recebe no app do banco. E confira o valor e o destinatário do dinheiro no caso de pagamento via QR Code ou transferência.

Matéria relacionada

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre deste ano

Recorde nas exportações do agro capixaba no 1º quadrimestre deste ano

  Nos quatro primeiros meses de 2024, as divisas geradas com as exportações do agronegócio no Espírito Santo somaram mais de US$ 928,9 milhões (ou R$ 4,8 bi), maior valor

Alerta para queda de até 5°C na temperatura no ES neste fim de semana

Alerta para queda de até 5°C na temperatura no ES neste fim de semana

    O Espírito Santo recebeu um alerta de perigo potencial do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para quedas de temperaturas durante o fim de semana. De acordo com o

Contratos sob suspeita em hospital no ES eram de luvas, aventais e máscaras

Contratos sob suspeita em hospital no ES eram de luvas, aventais e máscaras

  A investigação da Polícia Federal e da Corregedoria Geral da União (CGU) sobre contratos fraudulentos no Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória, em Vitória, apontam que os acordos eram

489 anos de Vila Velha: cidade de cultura, história e turismo e onde começou o ES

489 anos de Vila Velha: cidade de cultura, história e turismo e onde começou o ES

  Nesta quinta-feira (23) é comemorado o aniversário de 488 anos de Vila Velha. A data marca o desembarque do português Vasco Fernandes Coutinho na Prainha, em 1535, a bordo

Projeto Orquestra de Violões nas Escolas oferece oportunidade para alunos da rede estadual

Projeto Orquestra de Violões nas Escolas oferece oportunidade para alunos da rede estadual

  A Secretaria da Educação do Estado (Sedu), em parceria com a Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito

Feirão de Empregos tem vagas para pessoas acima de 50 anos, nesta quarta em Vitória

Feirão de Empregos tem vagas para pessoas acima de 50 anos, nesta quarta em Vitória

  Chegou a vez da Geração + (pessoas acima de 50 anos de idade) no Feirão de Empregos do Sine Vitória. Nesta quarta-feira (22), serão ofertadas 500 vagas para esse

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mehr Informationen zum Bonuspaket und Umsatzbedingungen finden Sie auf der offiziellen Seite. und fairness Den vollen Funktionsumfang kklk Vulkan Internet casinos genießen nur unsere registrierten Spieler. nur über Das liegt daran, wenn jene zu 100% auf die Kuchen Bedingungen angerechnet werden. man kann Das Casino wird von Brivio Limited betrieben, einem in jeder Republik Zypern registrierten Unternehmen. vulkan vegas ist ein
Rolar para cima