domingo, 25 de fevereiro de 2024

Com fábricas paradas, preço dos carros usados vai subir?

 

Inúmeras montadoras de veículos estão de férias coletivas no Brasil. Segundo as empresas, o principal motivo é a falta de semicondutores – componentes que conduzem correntes elétricas do veículo. Porém, há um consenso no mercado que aponta outra razão da parada: os altos estoques.

Mas será que com esse movimento de mercado, os preços de carros usados vão subir? De acordo com especialistas não.

No mercado, apesar de não ser uma classificação oficial, usados são veículos produzidos há quatro anos ou mais, e são considerados seminovos aqueles com até três anos de uso e baixa quilometragem.

Segundo o diretor da Associação de Revendedores Independentes de Veículos do Espírito Santo (Arives), Romeu Monaldi Marroquio, os preços dos usados tendem a seguir estabilizados.

“Não irá subir nem baixar o preço. O certo é que as fábricas não estavam dando conta de produzir os carros. Com isso a demanda estava maior que a produção, tendo até três meses de espera. Agora o mercado está equilibrado e teve que dar uma segurada, para não deixar os pátios lotados”, explica.

Romeu destaca que as montadoras apenas anteciparam as férias, que normalmente são na segunda quinzena de dezembro. “Em 2021 e 2022 estava subindo o preço cerca de 2% ao mês, tanto usados quanto novos. Mas agora vai se manter estabilizado”, reforça.

Proprietário de loja de usados, Rodrigo Mello diz que o preço dos veículos usados não terá alteração, pois dentro desses dias de férias coletivas, as montadoras têm estocagem. “Não há previsão de alteração de preço dos usados”, afirma.

De acordo com Mello, hoje carros na faixa entre R$ 40 mil e R$ 70 mil são os que faltam muito no mercado devido aos valores atuais dos carros novos mais em conta.

Para o vendedor de uma loja de usados, Thales Andrade, pode haver um aumento nos preços, pela alta demanda por usados, mais em conta que os considerados populares zero-quilômetro, que segundo ele estão na faixa de R$ 80 mil.

“Pelo mesmo valor de R$ 80 mil, é possível comprar um usado com mais kits e mais completo. Então isso acaba valorizando os usados e seminovos”, justifica.

E segundo a Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto), a maior parte (34%) dos usados comercializados no primeiro bimestre foram os carros com 13 anos ou mais de fabricação, seguido dos que têm de quatro a oito anos de produção (26%).

Matéria relacionada

Cariacica + Perto de Você: diversos serviços de cidadania neste sábado (24)

Cariacica + Perto de Você: diversos serviços de cidadania neste sábado (24)

    A população de Porto Novo vai poder conferir diversos serviços de cidadania na 16ª edição do Cariacica + Perto de Você, que acontece neste sábado (24), no antigo

PL de Cachoeiro vai anunciar nome de pré candidato a Prefeitura na próxima 5° feira

PL de Cachoeiro vai anunciar nome de pré candidato a Prefeitura na próxima 5° feira

  Após os dias acelerados na cidade de Cachoeiro, onde o vereador Júnior Corrêa (PL) decidiu retirar seu nome da disputa, o PL agiu rápido e vem arquitetando seu palanque

Assembleia Legislativa do Espírito Santo celebra 150 da imigração italiana com exposição interativa

Assembleia Legislativa do Espírito Santo celebra 150 da imigração italiana com exposição interativa

  A Assembleia Legislativa do Espírito Santo inaugura no dia 21 de fevereiro a exposição "Camata - A Voz da Imigração Italiana", uma experiência única que homenageará o saudoso líder

As mãos de Ferraço no episódio Juninho Correa, será?

As mãos de Ferraço no episódio Juninho Correa, será?

  Fontes revelaram que o ex-prefeito e atual deputado estadual Theodorico Ferraço foi na desejada macieira do Partido Liberal cachoeirense (PL), pegou a bela maçã, poliu e a jogou no

Primeiro dia do Carnaval no Centro de Vitória reúne 100 mil pessoas

Primeiro dia do Carnaval no Centro de Vitória reúne 100 mil pessoas

  O início do Circuito da Folia na capital capixaba foi marcado pela presença de aproximadamente 100 mil foliões, celebrando o início do Carnaval. Uma iniciativa inédita da Prefeitura Municipal

Assembleia retoma sessões ordinárias com 32 projetos na ordem do dia

Assembleia retoma sessões ordinárias com 32 projetos na ordem do dia

  A primeira sessão ordinária de 2024 da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (ALES) ocorre nesta terça-feira, 6 de fevereiro, às 15 horas. O presidente da casa de leis capixaba,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima